Desfalque na hierarquia do CV

O bairro do Quitungo (CV) em Brás de Pina, que fica na zona norte do Rio de Janeiro, foi arrombado por policiais do 16º BPM (Olaria).

Eles lutaram com um traficante de entorpecentes brandindo uma arma M16 na rua Idumé. Eles investigaram a identidade e o status do criminoso dentro da hierarquia de tráfico da comunidade local.

Desfalque na hierarquia do CV

Ele foi escolhido como Gerente Geral (Frente) do Quitungo pelos patrões do Complexo da Penha, conhecido como Buéco, e era um dos homens de confiança do traficante Belo.

Como dezenas de outros filhotes, Buéco pertencia ao grupo Miliciano que governava as comunidades Quitungo e Guaporé. Quando esse grupo começou a perder força em Brás de Pina, Buéco decidiu não ingressar no Terceiro Comando Puro do Complexo de Israel e aceitou a oferta do Comando Vermelho.

Buéco, um menino mais velho do bairro, ficou encarregado de identificar “informantes” dos ex-milícias e até mesmo afastou alguns moradores e empresários que o tráfico de CVs acreditava que estariam fornecendo informações aos rivais.

  Criminoso teria filmado momento de baque em São Gonçalo

Deixe um comentário